Trabalho apresentado por Patrícia L. Paione Grinfeld no III Encontro Internacional e X Encontro Nacional sobre o Bebê (ABEBE – Associação Brasileira de Estudos sobre o Bebê): Permanência e continuidade na atenção e nos cuidados com os bebês, em 02/11/2015, traz, a partir da observação de blogs e grupos em redes sociais escritos por mães, uma breve reflexão sobre o quanto algumas práticas parentais que visam o fortalecimento do vínculo com o bebê parecem, em alguma medida, responder à fantasia de completude e à angústia de separação maternas, podendo, assim, dificultar o corte necessário para o processo de subjetivação do bebê.

O texto pode ser lido aqui.