ninguém cresce sozinho

suporte emocional na construção de maternidades e paternidades

Tornar-se mãe, pai e filho(a) é um processo complexo e cheio de incertezas. Envolve características e histórias pessoais, transmissões geracionais, marcas de nosso tempo. Exige enorme trabalho psíquico, mudanças e uma ampla rede de cuidados.

ninguém é igual a ninguém

Não existe um mesmo caminho para todos. Cada família e membros que a compõem são únicos. Para que criem repertórios próprios, precisam de respostas também únicas, singulares.

ninguém tem todas as respostas

O mundo segue em outra direção, com respostas prontas e infalíveis. Sem considerar as subjetividades e a imprecisão que é viver, as diferenças e a ausência de certezas são anuladas, gerando culpa, sensação de incompetência, angústia e sofrimento.

ninguém precisa ficar sozinho

A Ninguém Cresce Sozinho está aqui para apoiar famílias e empresas nas demandas emocionais que surgem no processo de constituição da parentalidade e da subjetividade.

estamos aqui,
sempre

Nossos serviços acontecem em pequenos grupos para favorecer a escuta, o acolhimento e a troca entre mães, pais e cuidadores.

plantões

quando angústias aparecem sem pedir licença nos processos de reprodução assistida, gestação, puerpério e luto perinatal

orientações a pais

ampliam possibilidades relacionais e/ou ajudam a atravessar etapas do desenvolvimento infantil

rodas de conversas ou leituras

arejam ideias que envolvem aspectos emocionais e atravessamentos culturais na parentalidade e na primeira infância
O acesso é fácil, de qualquer lugar, sempre que precisar. Basta entrar no site e selecionar o apoio necessário em cada momento.

presente
na forma de cuidado

Cuidar de quem cuida é responsabilidade de todos.
É condição para a construção de um futuro melhor.

Nosso suporte e o seu apoio podem chegar a mães, pais e cuidadores na forma de vales-presentes.