clube de leitura (18/09) – “Dias de abandono”, Elena Ferrante

R$65,00

3ª edição, 10º encontro

A boa literatura instiga afetos, permite identificações, provoca reflexões. Em tempos de excesso de telas e de informações, os clubes de leitura voltaram à baila, reacendendo a chama da leitura e do encontro, tornando a experiência literária mais frequente e menos solitária.

Discutir narrativas ficcionais permite se aproximar e se distanciar de nossa história e de outras histórias, fazendo emergir lembranças, associações, insights e novos pontos de vista.

O Clube de Leitura Ninguém Cresce Sozinho utiliza sua expertise em parentalidade para fazer a curadoria de livros atravessados por esta temática e conduzir o debate a partir das ressonâncias que a obra selecionada produz, possibilitando, assim, novas e múltiplas leituras da parentalidade em nossa cultura e nas vivências de cada participante.

Livro: Dias de abandono, Elena Ferrante, Biblioteca Azul (2013, 2016)

Quando: 18 de setembro, quarta, das 20:30 às 22:00 (horário de Brasília).

Coordenação: Tatiana Machado, psicóloga (CRP 06/69245).

Sinopse do livro:

Da autora de A amiga genial e A filha perdida.

A autora Elena Ferrante utiliza suas palavras cortantes e sua clareza brutal para percorrer o turbilhão emocional vivido por Olga após um casamento fracassado. Traída e se sentindo abandonada pelo marido, a personagem enfrenta conflitos internos em meio à nuvem cinzenta da desolação e da nova e inquietante realidade que se apresenta.

Moradores de um apartamento em Turim, para onde Olga se mudou por conta da carreira profissional do marido, com dois filhos e um cachorro, Mario e Olga viveram uma relação de 15 anos com os altos e baixos de um casamento normal. Sem abalos que evidenciassem um término repentino, Olga ouve o discurso de seu marido anunciando que ele a deixaria naquele momento. As páginas seguintes vão desnudando cenas críticas do passado do casal, repassadas até a exaustão pela protagonista e misturadas à urgência do seu cotidiano completamente destruído.

Em Dias de abandono, Ferrante escancara a dor da rejeição moldada pelos sentimentos e particularidades de uma mulher. Em um corajoso e às vezes violento mergulho existencial, Olga vai aos poucos substituindo um atormentado desejo de redenção por algo ainda desconhecido.

Antes presa a um personagem construído pela sociedade e por suas próprias expectativas, ela se dá conta de que amou mais justamente quando se sentiu “enganada, humilhada e abandonada”. A raiva pela justificativa mentirosa do marido ao tê-la deixado, que antes parecia acender a urgência do amor, agora o esvazia. No espaço entre esses dois polos distintos, sem amor, dentro do nada, resta a ela saber se novos sentidos podem tomar formas na urgência da vida.

O que dizem sobre o livro:

“Assinado pela enigmática autora cuja verdadeira identidade é mantida em segredo, Dias de abandono colocou Elena Ferrante definitivamente no panteão dos maiores autores da literatura segundo público e crítica.” (contracapa do livro)

“Tudo que leve o nome de Elena Ferrante deve ser lido.” (Boston Globe, contracapa do livro)

“Voz furiosa e torrencial como a autora é algo raro.” (The New York Times, contracapa do livro)

O preço do encontro não inclui o livro. A aquisição do mesmo é de responsabilidade do participante.

Para adquirir o pacote com desconto para os 4 encontros da 3ª edição do clube de leitura, clique aqui.

O link para o encontro é enviado por e-mail até uma hora antes do seu início.

Categoria: