Ninguém cresce sozinho | Paternidade
12
archive,paged,category,category-paternidade,category-12,paged-2,category-paged-2,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-9.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Por Patrícia L. Paione Grinfeld O que está em jogo na pergunta título deste texto não é a gramática, mas o sentido desses adjetivos na vida da criança. Não é difícil ouvir ou falar que fulaninho é maroto, grosseiro e indelicado a tal ponto que nem mesmo Madame Poças Leitão – a mais famosa professora de boas maneiras para a aristocracia...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld Certo dia, ao entrar no Facebook, ele me sugeriu um “Livro Completo para mães e bebês”. A primeira coisa que me ocorreu foi interrogar o adjetivo do título: Completo? Em seguida fui acometida pela estranha sensação de que o Facebook propõe algo muito semelhante àquilo que eu lia no anúncio da página sugerida – a completude. Pelo...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld Não sei quando os chás de bebê surgiram – gostaria muito de saber. Mas me lembro que no meio em que vivi os anos 80, 90 e início dos 2000, os chás de bebê eram oferecidos pelas amigas da gestante, na casa de uma delas. Cada uma contribuía com algum come e bebe e um produto...

Por Silvia Bicudo No Brasil, a comercialização de óvulos (e de espermatozoides) não é permitida. Dessa maneira a ovodoação, técnica em que a mulher pode gestar um embrião que não contenha suas características genéticas, só se faz possível a partir da doação de óvulos. De acordo com a regulamentação do Conselho Federal de Medicina (nº 2.121/2015) a doação deve ser anônima, ou...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld A criança faz birra; a culpa é dos pais que não conseguem colocar limite. A criança é malcriada; a culpa é dos pais que não dão educação. A criança chora porque quer algo; a culpa é os pais que a mimam demais. A criança não come direito; a culpa é dos pais que a deixam comer...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld O enxoval do bebê é um capítulo grande na vida de quase todas as gestantes e famílias. Além de atender materialmente as necessidades do bebezinho que está por vir, ele envolve sonhos, desejos e expectativas que nutrem a importante função de imaginar o bebê que se espera, seu lugar na família e no mundo. Através de...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld Quando li Infância de retalhos, no blog Padecendo no Paraíso, encantei-me com a franqueza com que a mulher que o escreveu relata sua história pessoal de abuso sexual sofrido e silenciado por quase a metade de sua infância. Em cada linha, seu rico testemunho apresenta os meandros de uma trama comum e recorrente em diversas famílias, inclusive nas tradicionais, “perfeitinhas”...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld Alguns pais e mães encaram a questão da sua nudez diante dos filhos com muita naturalidade: se despem total ou parcialmente diante deles, tomam banho com a prole ou andam sem roupa pela casa. Outros optam por preservar sua intimidade, não se colocando pelados na frente dos filhos, nunca ou salvo algumas exceções. A grande maioria, contudo, tem um percurso...

Por Patrícia L. Paione Grinfeld Os motivos que levam uma família a manter um segredo, às vezes atravessando gerações, são sempre singulares. No entanto, todo segredo tem em comum a dificuldade de um ou mais membros da família em lidar com o que há de mais íntimo naquilo que não pode ser revelado. Isso significa que a dificuldade não está na adoção em si, na reprodução assistida,...

Compartilhe este artigo